Momentos de Fé

Nós da Equipe MOMENTOS DE FÉ temos uma grande alegria de recebê-lo em nosso site.Preparamos carinhosamente uma meditação para cada dia da semana, com base em textos das Sagradas Escrituras, a Bíblia. Temos certeza que estes momentos de leitura vai estimular a tua fé nAquele que é a razão de nossa existência: Jesus Cristo. Desejamos um dia abençoado para você e boa leitura.

 

Me deram mal pelo bem que ofereci

"Ó DEUS do meu louvor, não te cales, Pois a boca do ímpio e a boca do enganador estão abertas contra mim. Têm falado contra mim com uma língua mentirosa. Eles me cercaram com palavras odiosas, e pelejaram contra mim sem causa. Em recompensa do meu amor são meus adversários; mas eu faço oração. E me deram mal pelo bem, e ódio pelo meu amor." (Salmo 109:1-5)

Esta é uma história que eu já vivi. 

Começarei hoje esta meditação, contando uma experiência triste que passei há alguns anos, com um casal que ajudei, aconselhei e apoiei quando a maioria os rejeitavam. No final, mentindo e enganando, se colocaram como meus inimigos. Na época, fiquei muito magoado com o que me fizeram, porque até padrinho de casamento eu fui deles. Mas algo estranho aconteceu. Todo sentimento que tinham de gratidão, se transformou em ódio e perseguição.

Não foi fácil viver aqueles tempos. Uma avalanche de coisas ruins sobrevieram sobre minha vida e família. E em meio a tudo aquilo,  ainda sofrendo aquela injustiça. Como entender ? Como aceitar ? Como explicar ?

Mas o salmista faz sua oração, e pede de Deus uma ação em seu favor.  

 

Vencendo o medo !

“Ó Senhor Deus, ouve as minhas palavras e escuta os meus gemidos ! Meu Rei e meu Deus atende o meu pedido de ajuda, pois eu oro a ti, ó Senhor!” (Salmo 5: 1 e 2 BLH)

Há momentos em nossa vida que passamos por dificuldades tão grandes que perdemos a capacidade de raciocinar com clareza. Parece que tudo fica nublado, escuro, cheio de sombras. Por vezes estas sombras se levantam contra nós fazendo acreditar que é um adversário tão grande e poderoso, que será para ele muito fácil nos destruir. Ficamos paralisados, atemorizados diante de tal nebulosa percepção. Quando permitimos que o temor se apodere de nós, tomamos decisões com base em fatos não reais, portanto, nossas decisões serão errôneas.

Chega um momento que já não sabemos mais onde tudo começou.

 

Deus é meu refúgio !

“ “DEUS é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia. Portanto não temeremos, ainda que a terra se mude, e ainda que os montes se transportem para o meio dos mares. Ainda que as águas rujam e se perturbem, ainda que os montes se abalem pela sua braveza.” (Salmo 46:1-3)

Este é mais um dos salmos lindíssimos que está na Palavra de Deus.

O autor nos faz pensar em quando estamos bem, calmos, tranquilos, e paramos para refletir na vida. Lembramos dos tempos de lutas, de crises, de tempestades violentas, quando imaginávamos que não iríamos aguentar. De repente, surge Deus, o Todo Poderoso Deus, e nos socorre. Ah! Que coisa tremenda.

Então, neste momento de reflexão, lembrando dos feitos de Deus, o autor declara em alto e bom som: “DEUS é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia.”

 

O Senhor me ouve !

“Sabei, pois, que o senhor separou para si aquele que lhe é querido; o Senhor ouvirá quando eu clamar a ele. Perturbai-vos e não pequeis; falai com o vosso coração sobre a vossa cama, e calai-vos. Oferecei sacrifícios de justiça, e confiai no Senhor. Puseste alegria no meu coração, mas do que no tempo em que se multiplicaram o seu trigo e o seu vinho. Em paz também me deitarei e dormirei, porque só tu, Senhor, me fazes habitar em segurança. (Salmo 4: 3;4;5;7;8)

Há momentos em nossa vida que a luta está muito grande, e parece que não iremos vencer. É nestas ocasiões que precisamos lembrar que somos queridos do Senhor e separados para Ele e que Ele está pronto para ouvir o nosso clamor. (v.3).

O versículo 4 nos diz que embora possamos nos perturbar, como ocorre quando ficamos irados diante de uma situação adversa, perdendo a paciência ou entrando em desespero, mas que não devemos pecar. Como não pecar em situações assim?

 

Quero falar para todo o mundo !

“O meu coração ferve com palavras boas, falo do que tenho feito no tocante ao Rei. A minha língua é a pena de um destro escritor. Tu és mais formoso do que os filhos dos homens; a graça se derramou em teus lábios; por isso Deus te abençoou para sempre. ” (Salmo 45:1-2)

Pensei muito quando li este texto. Sabe, quando estamos alegres, por ter sido socorrido num momento de grande aflição, ou quando chegou uma notícia muito boa em meio a tantas noticias ruim, a nossa alma se enche de alegria e nossa boca começa a cantarolar ou falar palavras boas. Falamos que o céu está mais bonito ou o sol mais brilhante ou as pessoas mais radiantes e assim vai. Não é mesmo ?